Três novos circuitos turísticos são certificados em Minas Gerais

Circuito Turístico da Cachaça, Circuito Turístico Campo das Vertentes e Circuito Turístico Urucuia Grande Sertão aumentam para 48 o número de circuitos turísticos certificados no estado

Por Admin 21/06/2017 - 16:46 hs
Foto: Divulgação
Três novos circuitos turísticos são certificados em Minas Gerais
Agora, o estado passa a contar com 48 circuitos certificados, envolvendo todas as regiões de MG

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Turismo (Setur-MG), acaba de certificar três novos circuitos turísticos no estado: Circuito Turístico da Cachaça, Circuito Turístico Campo das Vertentes e Circuito Turístico Urucuia Grande Sertão.


A certificação foi concedida durante o Encontro de Presidentes e Gestores dos Circuitos Turísticos e o Encontro de Receptivos de Minas Gerais, no Hotel San Francisco, em Belo Horizonte, realizado pela Setur nos dias 20 e 21 de junho. Os demais circuitos receberam certificado de renovação e os receptivos receberam a declaração de habilitação que indica o cumprimento das exigências e diretrizes fixadas na resolução Setur nº03/2017 para ingresso no Projeto Minas Recebe. Agora, o estado passa a contar com 48 circuitos turísticos certificados, envolvendo todas as regiões de Minas Gerais e aproximadamente 450 municípios regionalizados.

Durante o encontro, a Setur recebeu cerca de 40 representantes de circuitos e 30 receptivos de Minas Gerais, além de entidades que compõem o Conselho Estadual do Turismo.

O primeiro dia de evento foi marcado pelo alinhamento das informações técnicas operacionais, propiciando momento de reflexão sobre a gestão pública e privada, bem como sobre a inovação e criatividade do turismo regional. A reunião permitiu ainda o intercâmbio de experiências e desenvolvimento de parcerias dos circuitos turísticos com representantes da iniciativa privada. A Setur aproveitou a oportunidade e apresentou as ações desenvolvidas durante o primeiro semestre de 2017.

Compondo a programação, a Setur lançou o projeto “Panorama do Turismo” que consiste em apresentar de forma didática, por meio de vídeos, um programa de sensibilização e capacitação para os gestores municipais. “Achamos o vídeo excelente. Ele nos ajudará como gestores para apresentar as possibilidades que o turismo pode trazer para os municípios”, comemorou o presidente do Circuito Turístico Vale do Jequitinhonha, Breno Rodrigues.

Dinâmicas em grupo foram propostas para instigar a criação de novos produtos a partir do perfil de um personagem, que no caso representa o turista que deseja conhecer Minas. Assim, foi possível identificar as dificuldades de cada grupo na busca da inovação e empreendedorismo. Os grupos apresentaram seus produtos para uma mesa julgadora, composta por técnicos da Setur, para venderem o produto criado. Diversas sugestões foram apresentadas, entre elas aplicativos, roteiros personalizados envolvendo ecoturismo, cultura, história e gastronomia.

Política de regionalização

Os Circuitos Turísticos são entidades sem fins lucrativos, que caracterizam a política pública de Regionalização do Turismo de Minas Gerais, em desenvolvimento pelo Governo do Estado de Minas Gerais desde o ano de 2001. Esta política é um modelo de gestão das regiões turísticas que segue as diretrizes do Programa de Regionalização do Turismo, estabelecido pelo Ministério do Turismo.

Os Circuitos Turísticos abrigam um conjunto de municípios de uma mesma região, com afinidades culturais, sociais e econômicas que se unem para organizar e desenvolver a atividade turística regional de forma sustentável, consolidando uma identidade regional. O trabalho destas entidades se dá por meio da integração contínua dos municípios, gestores públicos, iniciativa privada e sociedade civil, consolidando uma identidade regional e protagonizando o desenvolvimento por meio de alianças e parcerias.

Fontes: Setur-MG e Agência Minas